Hoje, vamos falar um pouco mais sobre a Arte Contemporânea, suas principais características e principais formatos de arte, buscando entender melhor como a mesma se disseminou tanto no último século.

Muito se fala da Arte Contemporânea como uma precursora da arte moderna, porém, por mais que possuam nomenclaturas semelhantes, são diferentes.

O seu principal viés é a arte pop, a qual já recebeu um post exclusivo aqui em nosso site, com diversas imagens e nomes de artistas renomados.

Porém, outro movimento marcante que a destaca dentre as outras é o advento do minimalismo, muito utilizado atualmente no design de interiores.

Perceba como a Arte Contemporânea abrange diversos ambientes, saindo da mesmice da arte moderna ou antiga.

Mas então, do que se trata afinal essa arte tão disseminada? Em poucas palavras, a mesma reúne expressões técnicas inovadoras.

Ou seja, aprofundando um pouco mais, esta arte nos incita a uma reflexão maior sobre a obra, sobretudo com reflexões sociais.

A mesma apresenta um rompimento com à pauta moderna, considerada também como um movimento de pós-modernismo.

Sendo assim, podemos dizer que a contemporaneidade da arte busca algo mais realista em relação ao nosso cotidiano, usando de pequenas reflexões.

Sem mais delongas, vamos as principais características, conhecer algumas obras e principalmente grandes artistas da Arte Contemporânea.

Leia até o final e comente o que achou do nosso post. Vamos lá:

Arte Contemporânea – COMO PODEMOS DEFINI-LA?

Arte Contemporânea

Arte Contemporânea

Principais Características da Arte Contemporânea

Já no início do texto mencionamos uma das principais características desta arte.

Estamos falando da capacidade que a mesma tem de retratar o cotidiano de uma sociedade que vive em um ritmo frenético, como é a atual.

Marilyn Monroe

Marilyn Monroe

Então, percebemos também que a mesma já saiu somente das telas, e podemos encontrá-la através de ações, objetos e outros movimentos.

Sendo estes, os principais pontos de ruptura entre a Arte Contemporânea e a moderna.

Abaixo, separamos uma pequena lista que possui algumas características cruciais que torna as artes contemporâneas tão únicas, leia:

  • liberdade e efemeridade artística;
  • uso de materiais diferentes com fins artísticos;
  • questionamentos de definições intrínsecas da arte;
  • interatividade das obras (muitas já são virtuais, ou então podemos emplacar este item junto dos artistas de rua, as famosas estátuas vivas);
  • aproximação da cultura popular (quadros retratando artistas famosos, como a arte pop que retrata Marilyn Monroe, ou o quadro da Coca Cola);
  • fusão de arte e vida (exposições com corpos nus);
  • junções de estilos artísticos (quem nunca ficou em dúvida sobre a linha de arte de um quadro ou objeto?).

E então, percebeu como a lista é extensa e específica? É isto que torna a Arte Contemporânea tão única, afinal, suas opções são imensas.

Estudos propostos por academias de arte mostram que talvez, a contemporaneidade tenha se tornado o último estilo artístico.

Isto porque, a mesma abrange tantos níveis criadores de tal forma, que pode se expandir de diversas formas e línguas diferentes.

Instalação

Instalação

Seria portanto, um estado único da arte para o restante dos milênios? Só o tempo dirá!

Principais Movimentos da Arte Contemporânea

Agora, vamos aos principais pilares desta arte tão disseminada e que possui espaço em praticamente qualquer lugar.

Dessa forma, separamos outra lista, porém esta com alguns movimentos que tornaram-se mundiais com o surgimento da mesma após a segunda guerra mundial, causando a ruptura com as artes modernas.

Perceba como a lista é extensa e abrangente, o que a torna tão variada, leia:

  • pop;
  • conceitual;
  • digital;
  • fotografia;
  • instalação;
  • urbana;
  • body art;
  • povera;
  • novas mídias;
  • hiper realismo;
  • fotorrealismo;
  • op art;
  • e cinética.

Urbana em Paris

Urbana em Paris

Portanto, no total, citamos 13 linhas de artes que se encaixariam de diversas formas diferentes em grandes museus de arte.

Desde artes que contemplam o corpo humano, passando pela fotografia, pelas artes urbanas com os grafites e chegando até mesmo as cinéticas.

Uma gama de escolhas incríveis, porém com especificidades únicas.

Artistas da Arte Contemporânea

Agora, chegamos ao momento de conhecer melhor os artistas. Isto porque, é devido aos mesmos que as artes que conhecemos hoje existem.

Então, analise o nome dos mesmos e comente ao final se conhece algum e gosta de seus trabalhos.

Logo depois, falamos sobre alguns brasileiros, afinal, é interessante conhecer um pouco das artes brasileiras.

Veja:

  • Andy Warhol;
  • Bansky;
  • Damien Hirst;
  • Jean-Michel Basquiat;
  • Anselm Kiefer;
  • Richard Serra:
  • Bill Viola;
  • Jeff Koons;
  • Marina Abramovic;
  • Gerhard Richter;
  • Takashi Murakami;
  • Lucian Freud;
  • Keith Haring.

Andy Warhol

Andy Warhol

E então, sentiu falta dos brasileiros? Eles estão aqui:

  • Oiticica;
  • Romero Britto;
  • Ferreira Gullar;
  • Amilcar de Castro;
  • Lygia Clark;
  • Lygia Pape;
  • Aluísio Carvão;
  • Franz Weissmann;
  • Hércules Barsotti;
  • Willys de Castro;
  • e Cildo Meireles.

Romero Britto

E então, o que achou do nosso post sobre a Arte Contemporânea? Em sua opinião, qual estilo de artes mais se destaca dentre as linhas contemporâneas? Não se esqueça de nos contar o porquê da escolha!

Conte a nós, comente abaixo, afinal, sua opinião é de suma importância… até a próxima!

Música em Trancoso 2020