Matthias Ambrosius

Criado na pequena cidade de Lüxem, na Alemanha, filho de um moleiro, o autodidata Matthias Ambrosius começou a tocar piano aos oito anos de idade e saxofone aos 16.

De 1992 a 1998 foi membro da Orquestra Federal Jovem de Jazz, na Alemanha, sob direção de Peter Herbolzheimer.  Em 1997 venceu o concurso nacional “Jugend Musiziert”, na categoria Pianista  Acompanhador.

Após concluir sua formação como administrador bancário no Deutsche Bank, Matthias Ambrosius iniciou os estudos de clarinete, a princípio com Karl-Heinz Steffens e depois com o professor Martin Spangenberg.

Suas primeiras experiências em orquestra foram em 1999, na Orquestra Sinfônica da Rádio da Baviera. Em 2000-2001 fez parte da Academia de Orquestra de Munique. Em meados de 2004 tocou com o Quinteto Michael Brecker em sua última turnê. Em setembro de 2005 assumiu o posto de solista em clarinete na Orquestra da Rádio de Munique (pertencente à Rádio da Baviera). Em 2007 tornou-se clarinetista solista da Staatskapelle Dresden. Desde 2009 é músico fixo da Filarmônica de Munique e também membro da diretoria da orquestra desde 2013.

Em 2013 Matthias Ambrosius fez, com Lorin Maazel e a pedido deste, o arranjo da ópera La Voix Humaine, para o festival de Castleton (fundado por Maazel). Na sequência compôs, junto com um amigo, o hino do clube de futebol FC Bayern para a final da Champions League. O concerto com a Filarmônica de Munique, sob regência de Lorin Maazel, atingiu uma audiência de milhões de espectadores através de transmissões na TV, internet, de um filme da Warner Bros, além da veiculação de publicidade da empresa de telefonia alemã Telekom.

Matthias Ambrosius é membro do ensemble Opern auf Bayrisch e convidado de inúmeros ensemblesde música de câmara. Apresenta-se regularmente ao lado do artista, músico e compositor alemão Willy Astor.

Nos últimos anos o músico tem dedicado cada vez mais tempo à composição e ao artesanato.

Habilidades

, ,

Postado em

14 de março de 2018

Enviar Comentário